Atalhos de navegação:

    Emlurb     Moradores do Coque aprendem a preservar canais e reaproveitar lixo Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 
RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Emlurb

MORADORES DO COQUE APRENDEM A PRESERVAR CANAIS E REAPROVEITAR LIXO

Paulo Lopes
Projeto começou nesta segunda (25)
Projeto começou nesta segunda (25)
Paulo Lopes
Reciclagem foi o tema principal da iniciativa
Reciclagem foi o tema principal da iniciativa

Com o objetivo de sensibilizar a população sobre como evitar a poluição de canais e também reaproveitar o lixo reciclável, a Prefeitura do Recife iniciou, nesta segunda-feira (25), no bairro do Coque, a 4ª edição do projeto Reaproveitar com Arte. Até sexta-feira (29), os moradores da localidade irão participar de oficinas técnicas, realizadas na Escola Estadual Nossa Senhora do Carmo, em frente ao Canal do Fernandinho, onde serão orientados sobre os efeitos nocivos provocados pela sujeira acumulada nos canais, além de aprender a transformar materiais como garrafas PET em artigos decorativos e brinquedos.

Com uma equipe composta por dois arte-educadores e uma assistente social, o projeto irá passar por 15 comunidades, até o fim do mês de julho, e irá orientar os moradores das localidades sobre como combater o descarte irregular de resíduos sólidos no entorno dos canais da Cidade, evitando transbordamentos e outros transtornos. De acordo com Jane Cristina Correia, coordenadora do projeto, “a intenção é que a comunidade compreenda que jogar lixo no canal irá trazer problemas para eles mesmos. Por isso, nós procuramos conversar com eles sobre os malefícios disso, explicando a melhor forma de se acondicionar o lixo. Além de mostrar que existem materiais, como a garrafa PET, por exemplo, que podem ser reutilizados”. Ela diz que a proposta faz parte de toda a estratégia desenvolvida pela Prefeitura para combater a poluição de canais. Para viabilizar isso, a PCR investe, anualmente, o montante de R$ 2,4 milhões na limpeza da rede de drenagem de grande e médio porte.

As oficinas têm carga horária total de 15 horas, e, durante as aulas, os participantes também aprendem técnicas de produção de brinquedos, bijuterias, porta-jóias, artigos artesanais, entre outros. Material para tanto, não falta. Segundo Jane, 40% do total do lixo produzido diariamente na Cidade é reciclável. Ela informa que essas oficinas são o momento final de um trabalho que é desenvolvido nas comunidades durante cerca de três meses. “Na realidade, o projeto começa com debates temáticos, apresentando filmes educativos. Nós também realizamos um diagnóstico sócio-ambiental da área, verificando quais os indicadores que iremos discutir com a comunidade. As oficinas vêm coroar esse projeto”, explica. Durante a aula, o arte-educador Barbosa, mais conhecido como “Prego”, apresentou aos alunos da escola o “Rap do Gari”, vestido a caráter. A letra versava sobre a importância de preservar os canais e os aspectos negativos produzidos pela poluição dos mesmos.

Uma das alunas da oficina, a dona de casa Marilene de Almeida, o projeto Reaproveitar com Arte proporciona às comunidades a reeducação social e ambiental e só trazem benefícios para todos. “Essas atividades contribuem para que as pessoas aprendam sobre essa questão do lixo, através dessas oficinas, das quais podem participar pessoas de todas as idades. É importante tanto para nós, adultos, que saímos mais esclarecidos, como para os jovens, que podem preencher o seu tempo ocioso”, declara.

Ao final das aulas, os participantes receberão um certificado. A produção realizada durante as oficinas será apresentada à comunidade numa exposição que acontecerá na própria escola, na 2ª Semana do Meio Ambiente, no dia 9 de junho.

Matérias Relacionadas
- Prefeito acompanha mutirão de limpeza
- Projeto ensina moradores a reaproveitar o lixo
- Recife e Jaboatão fecham acordo para novo aterro metropolitano
- Prefeitura faz mutirão de limpeza na cidade
- Prefeitura realiza IV Gari Copa de futebol
- Debate sobre coleta e destinação do lixo na Câmara de Vereadores
- Funcionários festejam 30 anos da Emlurb
- PCR realiza campanha da coleta seletiva em Setúbal
- Emlurb comemora 30 anos de fundação
- Campanha divulga coleta seletiva em Boa Viagem
- Limpeza urbana na comunidade do Entra Apulso
- Prefeito lança ações de limpeza nos canais
- Prefeitura faz campanha ambiental em Boa Viagem
- PCR intensifica limpeza de galerias e canaletas
- Prefeitura inicia mutirões para limpeza de galerias
- PCR promove retirada de propaganda irregular no Centro
- Prefeitura promove despoluição visual na Boa Vista
- Campanha estimula coleta seletiva na Imbiribeira e Ipsep
- Fiscalização do comércio informal no Centro já apreendeu 33 equipamentos
- I Gincana de Coleta Seletiva é encerrada com grande festa


Enviar    Imprimir