Atalhos de navegação:

    Direitos Humanos e Segurança Cidadã     PCR recebe I Seminário do Projeto TAMPOPO Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Direitos Humanos e Segurança Cidadã

PCR RECEBE I SEMINÁRIO DO PROJETO TAMPOPO

Lú Streithorst
Seminário aconteceu na tarde desta quarta (27)
Seminário aconteceu na tarde desta quarta (27)
Lú Streithorst
Objetivo é impedir o aumento de casos de HIV
Objetivo é impedir o aumento de casos de HIV

Com o objetivo de impedir o aumento da taxa de infecção por HIV/ Aids entre surdos e pessoas com deficiências que sejam analfabetas, foi realizado, na tarde desta quarta-feira (27), o I Seminário do Projeto TAMPOPO. Com o tema “Nada sobre Nós, sem Nós”, o evento aconteceu no auditório do 15º andar da Prefeitura do Recife, no Recife Antigo. O encontro é uma realização da Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (Feneis), Pessoas com Deficiência Internacional do Japão (DPI-Japan) e Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica), com parceria da Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Direitos Humanos e Segurança Cidadã (SDHSC), e do programa de DST/ Aids da Secretaria de Saúde do Governo de Pernambuco.

Na ocasião, o gerente da Pessoa com Deficiência da SDHSC, Edmilson Silva, falou sobre a importância do evento. “Esse seminário marca o lançamento do projeto TAMPOPO, que orientará as pessoas com deficiência sobre DST/Aids. Nós, junto com o segmento, pretendemos levar o máximo de informações em relação à prevenção e cuidados”, explicou Edmilson. Ainda segundo o gerente da Pessoa com Deficiência, o último senso realizado pelo IBGE constatou que Recife possui 230 mil habitantes com algum tipo de deficiência. “O objetivo do projeto é alcançar o maior número de pessoas desse público”, revelou. O diretor de Direitos Humanos da SDHSC, Cirilo Mota, representou a secretária da SDHSC, Amparo Araújo, no evento.

O vice-presidente da Jica, Satoshi Yoshida, ressaltou que o intuito do trabalho que será realizado com o projeto é o de promover a diminuição de contaminação de HIV entre as pessoas com deficiência, melhorando a qualidade de vida desse público. Para o vice-presidente do DPI-Japan, Masaki Nishimura, através do projeto, os participantes poderão ultrapassar a especificidade de suas deficiências, tendo seus direitos garantidos.

Matérias Relacionadas
- Prefeitura presta homenagens ao Padre Henrique
- Juventude é foco de seminário promovido pela PCR
- Doulas voluntárias são orientadas sobre políticas de redução de danos
- Várzea recebe Projeto Quintas da Diversidade
- Homenagens ao Padre Henrique
- Comdica realiza eleição dos novos conselheiros tutelares
- PCR celebra o Dia da Criança Cidadã
- Voluntários da PCR acompanham capacitação em Direitos Humanos
- Prefeitura do Recife realiza o Dia da Criança Cidadã
- PCR discute Combate ao Abuso e Exploração Sexual
- Curso de Formação em Direitos Humanos para Voluntários
- PCR participa de Caminhada pelo Fim da Violência Sexual
- Panfletagem marca o Dia Internacional do Combate à Homofobia
- PCR participa de campanha contra exploração sexual
- Identidade Cidadã nos Torrões
- PCR participa de atividades do Dia Internacional de Combate à Homofobia
- Prefeitura realiza curso de Libras para servidores
- Secretária de Direitos Humanos participa de eventos em Brasília
- PCR capacita voluntários em Direitos Humanos
- Comdica divulga relação dos mesários para eleição dos conselheiros tutelares


Enviar    Imprimir