Atalhos de navegação:

    Cultura     Livro sobre o Capibaribe é lançado no Mamam Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Cultura

LIVRO SOBRE O CAPIBARIBE É LANÇADO NO MAMAM
00:00 Segunda-feira, 22 de Março de 2010

Divulgação
Será lançado na próxima quinta-feira (25)
Será lançado na próxima quinta-feira (25)

Histórias, causos e lendas do rio Capibaribe contadas por quem melhor entende do assunto: a população ribeirinha. Este é o mote do livro “Um rio de gente” que será lançado na próxima quinta-feira (25), às 19h, no Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães (MAMAM), na rua da Aurora. Com fotos de Tuca Siqueira e textos de Inácio França, a obra é uma compilação de 26 histórias coletadas entre os meses de abril e setembro de 2009. Durante o lançamento, o grupo Vozes Femininas narrará trechos do livro.

A publicação abre espaço para relatos da população. Histórias engraçadas, outras nem tanto. Passagens que não constam na história oficial, mas que revelam o cotidiano dessa comunidade. “Um rio de gente” reúne depoimentos de pessoas comuns, mas que têm algo para contar. Foram exatamente essas pessoas que a equipe de “Um rio de gente” buscou. Com o objetivo de resgatar e documentar histórias sobre o rio Capibaribe, dezenas de pessoas foram entrevistadas, até chegar aos 26 textos que compõem o livro. São relatos que, nas suas entrelinhas, contam detalhes sobre os municípios, a economia local, questões ambientais e de gênero, relações de trabalho, festas populares, entre outros aspectos. Tudo através do olhar e do linguajar simples dos pernambucanos.

“Essa é uma herança que se encontra ameaçada, pois demos as costas ao rio que hoje é depositório de lembranças e desejos. Todos temos um vinculo com um rio, nossos inconscientes estão repletos de passagens por eles”, escreve o coordenador do projeto, Alexandre Ramos, na apresentação da obra. O trabalho de pesquisa para a construção do livro começou ainda no mês de março de 2009 com a identificação de personagens. Em alguns casos, a equipe já conhecia as pessoas por conta de viagens anteriores. “Mas, na maioria das vezes, nós chegávamos aos municípios e, simplesmente, perguntávamos: ‘Quem é o melhor contador de histórias da cidade?’. Isso nos deu um grande número de entrevistas e a possibilidade de selecionar as melhores e mais interessantes histórias”, conta Inácio França, autor dos textos.

Nos depoimentos publicados, foram mantidos os cacoetes e gírias. Expressões muito usadas por pessoas mais humildes ou de cidades mais distantes, às vezes muito incomuns no nosso cotidiano, mas que revelam uma riqueza cultural sem fim. “Preferimos manter essas palavras e até a forma como elas foram colocadas durante as conversas porque elas preparam o ouvinte para o que vai vir. Elas ajudam a criar um clima”, diz Inácio. As fotos de Tuca Siqueira dão vida aos personagens que vamos conhecendo ao longo do livro. Os Josés, Marias, Inácios, Margaridas vão ganhando forma e cor, além de uma identidade única na sua relação com o rio Capibaribe. “Em muitos casos, eu preferi ir depois que era realizada a entrevista para não me prender a essa questão do fotojornalismo. Eu queria fazer fotos que falassem mais que uma única situação ou um único momento”, revela a fotografa.

“Um rio de gente” foi aprovado no edital do Funcultura 2008 e tem o apoio da Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente (Sectma).

Serviço:
Lançamento do livro “Um rio de gente”
Quinta-feira (25), às 19h
Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães (MAMAM)
Rua da Aurora, 265 – Boa Vista

Matérias Relacionadas
- PCR divulga vencedores de edital de fomento às Artes Cênicas
- I Mostra de Anime da Biblioteca Popular de Afogados
- Cinemas do Parque e Apolo exibem sucessos a partir de hoje
- Pátio Sonoro apresenta novos grupos instrumentais
- Cinemas do Parque e Apolo exibem dois sucessos das telonas
- Produções dedicadas ao público infantil são destaques na programação dos teatros municipais
- Semana Chico Science Propagando homenageia 44 anos do cantor
- I Mostra de Anime da Biblioteca Popular de Afogados
- Música instrumental anima Pátio de São Pedro nesta sexta-feira
- FCCR começa a receber propostas para Ciclo Junino dia 29
- Música instrumental anima Pátio de São Pedro nesta sexta-feira
- Mamam reabre após dois anos em reforma
- Intervenção artística movimenta Pátio de São Pedro
- Murillo La Greca tem programação para educadores
- Artista Francês ministra curso no Memorial Chico Science
- Educação para o Teatro apresenta peça “Andar... sem parar... de transformar...”
- Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães volta à ativa
- Prazo para seleção no Mamam no Pátio termina hoje
- Recife recebe artista plástico francês
- Prazo para seleção no Mamam no Pátio está acabando


Enviar    Imprimir