Atalhos de navegação:

    A Prefeitura     PCR comemora 50 anos do Movimento de Cultura Popular Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco



RSS lista de noticias O que é isso?


A Prefeitura

PCR COMEMORA 50 ANOS DO MOVIMENTO DE CULTURA POPULAR
16:10 Quarta-feira, 12 de Maio de 2010

A Prefeitura do Recife, por meio das Secretarias de Cultura, Educação e Planejamento - Orçamento Participativo, comemora o Cinquentenário de Fundação do Movimento de Cultura Popular (MCP), nesta quinta-feira (13), com atividades durante todo o dia. O local é o Sítio Trindade, equipamento da Secretaria de Cultura que funcionou como sede do MCP de 1960 a 1964.

A programação conta, pela manhã e à tarde, com oficinas temáticas, apresentações culturais e realização de circuito histórico envolvendo 550 estudantes de 20 escolas da rede municipal, da educação infantil à Educação de Jovens e Adultos (EJA), incluindo duas unidades de Tecnologia na Educação e Cidadania (UTEC) e duas escolas profissionalizantes.

Às 19h, haverá a cerimônia de comemoração do Cinquentenário, comandada pelo prefeito João da Costa e com a presença de fundadores do MCP. Na ocasião, os alunos Escola Municipal Renato Accioly farão uma homenagem aos ex-membros do MCP; haverá exibição de documentário, dirigido por Andréa Ferraz, sobre as ações do Movimento, e entrega de homenagens às autoridades presentes, sob a forma de uma xilogravura exclusiva de J. Borges.

Outro momento importante da data será a abertura da exposição “Apresentando o Arraial Velho do Bom Jesus”, promovida pela Secretaria de Cultura, por meio da diretoria de Preservação do Patrimônio Cultural, visando a difundir a história do Forte Arraial do Velho Bom Jesus. A mostra conta com achados arqueológicos como porcelanas e munições, que datam de 1630 a 1635, época em que existiu o Forte.

As comemorações da noite de aniversário do MCP serão encerradas pela Banda Sinfônica da Cidade do Recife, tendo como convidado Geraldo Menucci, que foi maestro da própria Banda e da Orquestra Sinfônica do Recife na época do movimento. Os eventos noturnos serão acompanhados por 250 alunos de seis unidades de ensino, sendo duas escolas de EJA, duas profissionalizantes e duas UTECs da RPA-4.

Cinquentenário - Para além de uma comemoração pontual, o tema MCP vem sendo trabalhado ao longo de todo o ano pela Secretaria de Educação, em capacitações para professores, oficinas, debates e outras atividades formativas abertas a alunos e professores. Já o Programa Multicultural da Fundação de Cultura Cidade do Recife vai oferecer seis oficinas para o resgate da memória, na tentativa de identificar a influência do MCP no processo formação das comunidades e suas lideranças em todas as RPAs.

Também serão realizadas obras de requalificação do Ponto de Cultura Sítio Trindade, incluindo reforma da sede, compra de lona de circo, equipamento para exibição de vídeo e som profissionais. Ainda homenageando o cinquentenário do MCP, será instalada, no Sítio, uma escultura comemorativa produzida pelo artista plástico Abelardo da Hora.

Alunos - Durante a manhã e à tarde, todas as oficinas direcionadas aos estudantes das escolas municipais serão ministradas por professores e técnicos da Secretaria de Educação, enquanto os alunos serão recepcionados por estudantes do Curso de Turismo da rede de ensino profissionalizante da Prefeitura do Recife. As atividades vão ocupar os diversos espaços do Sítio Trindade, como a quadra coberta, a sala de reboco, a sala da UTEC e os pisos quadrado e redondo.

Jogos e Brincadeiras, Música, Literatura e Teatro serão os temas trabalhados, das 8h30 às 11h, com cerca de 150 alunos, entre 4 e 5 anos, de seis escolas da rede, que também irão visitar o “estúdio” da rádio comunitária da Escola Municipal Paulo VI, da Linha do Tiro, que será instalado no local por monitores do Programa Escola Aberta.

À tarde, das 14h às 17h, mais 150 alunos do 1º ao 4º ciclo de aprendizagem (1ª a 8º série), também serão brindados com oficinas de Artes Visuais, Literatura, Dança e Jogos e Brincadeiras, além de participarem de um circuito histórico pelo Sítio Trindade, onde funcionou o Arraial Velho do Bom Jesus, palco de resistência à dominação holandesa. Os estudantes também farão uma visita à estação de rádio da Escola Paulo VI e acompanharão um documentário sobre o MCP produzido pela equipe da Diretoria de Tecnologia na Educação e Cidadania (DGTEC) da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer.

No final da tarde, entre 16h30 e 17h, os 150 alunos serão contemplados com a apresentação da peça “A volta do camaleão alface”, uma remontagem de um dos sucessos do tempo de criação do MCP. A encenação será feita por um grupo de atores da Gerência de Animação Cultural da Diretoria Geral de Ensino, sob o comando do coordenador da GAC, José Ramos.

O MCP - Foi criado no Recife em maio de 1960, quando o prefeito da cidade era Miguel Arraes de Alencar. O objetivo básico do movimento era divulgar as manifestações de arte popular regional, além de promover a alfabetização de crianças e adultos. Esse trabalho de alfabetização tinha à frente o educador Paulo Freire, um dos sócio-fundadores do movimento.

Entidade privada e sem fins lucrativos, o MCP se mantinha através de convênios com a Prefeitura do Recife e o Governo do Estado. O movimento contou com apoio da intelectualidade pernambucana e de facções políticas de esquerda tais como a União Nacional dos Estudantes (UNE), Partido Comunista Brasileiro (PCB) e outras.
O MCP ganhou dimensão nacional e serviu de modelo para movimentos semelhantes criados em outros Estados brasileiros. Entre 1962/63, forças de direita tentaram sufocar o movimento e houve uma mobilização nacional em sua defesa: até mesmo o então Ministro da Educação, Darci Ribeiro, veio ao Recife apoiar pessoalmente o MCP e o considerou “um exemplo a ser levado a todo o País”. Com o golpe militar de 1964, o MCP foi extinto, mas sua contribuição cultural e política permanece até hoje, a exemplo dos ideais de seus fundadores.


Confira o cronograma de atividades

Matérias Relacionadas
- Prefeitura faz limpeza no Açude de Apipucos
- João da Costa participa da primeira reunião do Fórum de Prefeitos das Capitais Nordestinas
- Cronograma de atividades
- João da Costa trabalha para liberar financiamento do PAC Drenagem
- Prefeito acompanha evento sobre a fiscalização das obras da Copa 2014
- Ação educativa da PCR beneficia moradores do Arruda
- PCR participa de reunião da Rede Mercocidades
- Encontro de Adultos e Idosos dos Círculos Populares começa com passeios
- João da Costa participa de reuniões sobre Copa do Mundo e PAC-2 em Brasília
- Ações Educativas são apresentadas em escola da UR-2
- Prefeitura realiza ação educativa no Arruda
- Prefeito e primeira-dama entregam cheque do 46º Baile Municipal ao Hospital Maria Lucinda
- Oficina de Linguagem é temporariamente suspensa
- Prefeito e primeira-dama entregam cheque do 46º Baile Municipal ao Hospital Maria Lucinda
- 2º Encontro Pré Esporte do Mangue agita CSU Afrânio Godoy
- Moradores dos habitacionais Zeferino Agra e Vila Imperial recebem chaves das novas casas
- Prefeito assina OS para construção de mais dois habitacionais da Via Mangue
- Lula e João da Costa entregam Habitacional 3 da Via Mangue
- Prefeito acompanha presidente no lançamento do navio João Cândido
- Mutirões limpam galerias em quatro avenidas


Enviar    Imprimir