Atalhos de navegação:

    Cultura     Dominguinhos homenageia Gonzagão na Praça do Arsenal Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Cultura

DOMINGUINHOS HOMENAGEIA GONZAGÃO NA PRAÇA DO ARSENAL
00:00 Terça-feira, 14 de Fevereiro de 2012

Fotos: Clélio Tomaz
Dominguinhos se apresentou por volta das 22h30
Dominguinhos se apresentou por volta das 22h30
13 forrozeiros interpretaram sucessos de Luiz Gonzaga
13 forrozeiros interpretaram sucessos de Luiz Gonzaga

Os metais do frevo cederam espaço à sanfona em homenagem ao Rei do Baião realizada na segunda-feira da Semana Pré

A programação da Semana Pré contou na noite de segunda-feira (14) com show do mestre Dominguinhos e de diversos forrozeiros no projeto Sanfona do Povo, realizado numa homenagem in memorian ao centenário de aniversário de Luiz Gonzaga. Os shows aconteceram na Praça do Arsenal, Bairro do Recife, e levou ao delírio recifenses e turistas.No palco, um time de 13 forrozeiros interpretaram grandes sucessos de Luiz Gonzaga, num espetáculo que empolgou quem esteve no Bairro do Recife à procura de festa pré-carnaval.

O show do projeto Sanfona do Povo em homenagem ao centenário do Rei do Baião foi comandado pelos cantores Santanna, Josildo Sá, Nádia Maia, Cristina Amaral, Irah Caldeira, Terezinha do Acordeon, Rogério Rangel, Roberto Cruz, Benil, André Macambira, Andrezza Formiga e Dudu do Acordeon. O mestre Dominguinhos, que se apresentou por volta das 22h30, fechou a noite com chave de ouro, sacudindo os foliões que dançavam ao ritmo do forró.Durante a noite, a Praça do Arsenal se transformou num salão com pessoas de todas as idades que dançavam ao som de clássicos como “Cintura Fina”, “Pagode Russo”, “Pau de Arara”, “Xote das Meninas” e “Asa Branca”, interpretados pelo músico Santanna. Para encerrar, os convidados, juntos, entoaram “Olha Pro Céu” e “A Fogueira”, seguido do Hino de Pernambuco.

O mestre Dominguinhos fez um show à parte, contagiando e levando emoção aos pernambucanos fãs do imortal Lula Gonzaga. “Lembro quando eu tinha 22 anos e saí cantando e acompanhando o corpo dele, da Assembleia Legislativa”, recorda o professor Roberto Silva e Souza, 45 anos. “Eu estou achando essa homenagem da Prefeitura aos 100 anos do Rei do Baião muito legal, pois como o forró é cultura nordestina há uma sintonia que torna essa quebra de fronteira entre frevo e forró positiva”, opina.

Matérias Relacionadas
- Prefeitura do Recife divulga novas datas para entrega de credenciais para imprensa
- Exposição conta história dos homenageados do Carnaval do Recife
- Ponte Duarte Coelho será fechada para montagem da alegoria do galo
- Semana Pré do Carnaval do Recife reverencia os 100 anos de Gonzagão
- Agremiações de Pernambuco, Rio de Janeiro e Bahia se unem na Semana Pré do Carnaval Multicultural do Recife
- Metais do Orquestrão e batuques dos maracatus esquentam a semana pré no Recife
- Tropical Beat agita a Semana Pré do Carnaval Multicultural do Recife
- Mineiro Samuel Rosa cai no frevo pernambucano
- Público festeja no Baile Municipal do Recife ao som de Elba Ramalho
- Show marca o lançamento do CD de músicas carnavalescas
- Exposição conta história de Alceu Valença e José Cláudio
- Alegria, brilho e emoção na festa em comemoração ao Dia do Frevo
- Prefeitura garante serviços para foliões do 48° Baile Municipal
- Culturas do Brasil e do Mundo se encontram no Carnaval do Recife 2012
- Prefeitura do Recife lança CD de Músicas Carnavalescas 2012
- Pátio de São Pedro ferve no Dia do Frevo
- Recife festeja o Dia do Frevo
- Confira a programação de prévias carnavalescas do Pátio de São Pedro e do Bairro do Recife
- Blocos dos Círculos Populares já estão na rua
- CTTU bloqueia trecho da Guararapes para montagem de estruturas do Carnaval


Enviar    Imprimir