Atalhos de navegação:

    Cultura     Nação Zumbi detona na noite pop no Marco Zero Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Cultura

NAÇÃO ZUMBI DETONA NA NOITE POP NO MARCO ZERO
06:05 Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2012

Wagner Ramos
Nação Zumbi no Marco Zero
Nação Zumbi no Marco Zero

Desfecho em grande estilo da noite do pop no Polo Multicultural
 
Por José Gomes Neto
 
A Nação Zumbi não deixou ninguém arredar pé do Marco Zero, já na madrugada desta terça-feira (21), quando o pop prevaleceu e convenceu o público que superlotou o Polo Recife Multicultural. Com uma apresentação envolvente e num clima tipicamente carnavalesco – seus componentes estavam todos caracterizados -, ela fez uma apresentação para ficar na memória de quem ali esteve. Uma compilagem de vários sucessos ao longo dos 15 anos de carreira da banda foi o foco da apresentação da Nação, no penúltimo dia de Carnaval do “palco necessário”, como diria Jorge Du Peixe.
 
Dentre as músicas mais festejadas pelo público, que estava num ritmo eletrizante, “Meu Maracatu” e “Manguetown” vieram como a dobradinha instigante. Antes de mais uma dobradinha de fazer o chão tremer, tempo para um convidado. O cantor Mano Chao é chamado por Jorge Du Peixe a subiu ao palco e interpretar “Tá de bobeira”. Após mais algumas canções conhecidas, eis que surge outra dobrinha: “Maracatu Atômico” e “Quando a maré”. Isso para delírio total no Marco Zero.
 
Quando tudo parecia que iria terminar, o bis chega com uma música inédita: “Cicatriz”. Na sequência, “Coco Dub”. Em sintonia geral com o público, o clamor fora atendido. “A praieira” foi executada com participação plena da imensa plateia. Porém, o grande momento ficou por conta da saideira. Desta vez, o convite partiu de Jorge (Du Peixe) para Jorge (Seu Jorge). A atração anterior estava assistindo ao show do palco e rolou um improviso dos bons para “Da lama ao caos”. O público aprovou total.
 
Lançamento – O DVD “Ao vivo do Recife” da Nação Zumbi será lançado em meados de março, segundo Jorge Du Peixe. A gravação ocorreu na noite do dia 9 de dezembro de 2009, no Marco Zero, durante a Feira de Música que aconteceu naquele ano, na capital pernambucana. “Será um marco dos 15 anos da Nação”, falou.

 

Matérias Relacionadas
- Noite dos Tambores Silenciosos foi destaque do Polo Afro nesta segunda
- Galeria do Ritmo e Gigantes do Samba levanta público no Polo das Agremiações
- Desfile das escolas de samba empolga multidão
- Geraldo Azevedo cantou seus maiores sucessos No Polo Várzea
- Karina Buhr é destaque no Polo Várzea
- Artesãs do Prodarte comercializam na Central do Carnaval
- Foliões desfilam com a grife do Carnaval
- Chris Nolasco surpreende no Carnaval Multicultural do Polo Várzea
- Rec Beat se rende ao talento de Lirinha
- Projeto paralelo de Pitty, Agridoce agita o Rec-Beat
- Orquestra do Maestro Edson Rodrigues abre alas na noite do pop no Marco Zero
- Sá Grama leva música erudita para a Praça do Arsenal
- Central do Carnaval oferece diversos serviços para a população
- Lêda Alves recebe homenagem da Prefeitura do Recife
- Lambe-Lambe registra a alegria do Carnaval Multicultural
- Tambores das Nações Mirins encanta público no Pátio do Terço
- Desfile de Bois e Ursos agita o Polo de Todos os Ritmos
- Blocos líricos se apresentam no Marco Zero
- Noite do domingo é marcada por grandes atrações nos polos descentralizados
- Mombojó levou o público ao delírio no Pátio de São Pedro


Enviar    Imprimir