música
Música

Cátia de França volta ao Recife e lança novo disco

Após quatro anos do lançamento do seu último disco, Cátia de França volta ao Recife para promover “Hóspede da Natureza”, sétimo álbum de carreira. A cantora aproveita esta oportunidade para também lançar seu selo, o Ponrangareté, com patrocínio do Natura Musical. A celebração será marcada pelo show que acontecerá às 20h, no dia 21 de julho, no Teatro de Santa Isabel, com a participação especial de Xangai. Os ingressos estão à venda no local.

“Hóspede da Natureza” é o disco que chega agora aos ouvidos do público. Um de seus trabalhos mais intensos e cria um dos pontos altos de sua carreira. Gravado e produzido por Rodrigo Garcia entre o fim de 2005 e 2006, o disco busca inspiração na bíblia hippie "Walden, ou A Vida nos Bosques", escrito em 1847 por Henry D. Thoreau.

Para manter o espírito intimista proposto pela artista, o disco foi gravado em uma casa em Nova Friburgo, na região serrana do Rio de Janeiro. No imóvel estava uma banda de peso e dentre os integrantes, parte do time que acompanhava Cássia Eller, liderados pelo produtor Rodrigo Garcia. Os créditos do disco contam com músicos de renome como
o multi-instrumentista de sopros Marcelo Bernardes, que grava e excursiona com Chico Buarque e a conceituada Lan na percussão.

Trajetória - Nascida em João Pessoa (PB), Cátia de França é cantora, compositora e multi-instrumentista. Versátil e estudiosa, desde menina aprendeu a dominar instrumentos como o piano, a sanfona e o violão. Mais tarde, se interessou pelos acordes de flauta e pela percussão. Chegou a ser professora de música e, em meados dos anos 70, se aventurou nas composições próprias em parceria com o poeta Diógenes Brayner. A poesia e a admiração por literatura seriam marcas de sua música a partir daí.

Em quase 40 anos de carreira, Cátia gravou seis discos e se tornou uma lenda viva da música regional brasileira. Suas canções já foram gravadas por grandes nomes da MPB, como Elba Ramalho, Amelinha e Xangai, além de ter participado de festivais de música popular na década de 60, época em que viajou à Europa com um grupo folclórico.

Serviço:
Hóspede da Natureza – show de lançamento do disco de Cátia de França,
com participação especial de Xangai.
21 de julho, às 20h
Teatro de Santa Isabel – Praça da república, s/n – Santo Antônio
Ingresso: R$ 25,00 (inteira) R$ 12,50 (meia) – à venda na bilheteria
do teatro a partir das 10 horas da data da apresentação.
Mais informações:
http://catiadefranca.com.br
https://www.facebook.com/CatiaDeFranca
https://soundcloud.com/catiadefranca






Lançamentos de Cds

ForrozeirosPE 2016
www.forrozeirospe.com.br

A tradicional coletânea que reúne sucessos e lançamentos dos artistas de forró do Nordeste. A seleção inclui obras de artistas renomados como Dominguinhos, Genival Lacerda, Ivan Ferraz, Novinho da Paraíba; e artistas da nova geração de vários estados como a banda sergipana Casaca de Couro, o paraibano Jorge Costa e a banda potiguar Galera Forrozeira com novas composições. O álbum é organizado pela equipe do site ForrozeirosPE há quatro anos, com o intuito de divulgar e promover a cultura nordestina, sempre destacando seus compositores e contato para shows. Todas as faixas estão disponíveis para audição e download gratuitamente no endereço www.suamusica.com.br/cdforrozeirospe2016 .


Almir Rouche
(81) 98834.5041 | 98177.1593

O cantor Almir Rouche lança o seu novo trabalho para o São João, o CD “Forró pra Dois”. O álbum, que é o 20º da carreira do artista, conta com 18 faixas, com releituras de grandes compositores, como Fagner, Michael Sullivan, Luís Fidélis e Assisão. Canções como “Seis cordas”, “Jardim dos animais”, “Pau nas coisas”, “Deslizes” e "Talismã" fazem parte do repertório do trabalho. Embora dançante, é um disco romântico e com diversas participações, incluindo Genival Lacerda, Santanna, Rodrigo raposo, Luizinho de Serra Talhada, Beto Hortis, Liv Moraes, Léo Lima e Leandro Lier, aém de Bianca Rouche, filha de Almir Rouche. O repertório traz ainda, obras de novos compositores como Abidoral e Nerilson Buscapé.


Fredy e Mary
(81) 99743.2743 |3228.4352

Uma mistura do forró com o arrocha e o sertanejo é o que pretende esta nova proposta da banda pernambucana Fredy e Mary para o mercado musical. Neste novo trabalho, a banda inova em seu repertório com um estilo próprio com canções dançantes para um público eclético.O novo álbum traz cinco composições inéditas, sendo três próprias - "Eu Tô Maneiro", "Lua Cheia em Gravatá", “Não Dou mais Chance Não" – e composições de Leonardo Luna e Abimael Gomes - "Trocando Bom Bom", música de trabalho - e "Eu Tô que Tô" composta por Silveirinha. O disco conta ainda com sucessos de Luiz Gonzaga, Zé Dantas, Frank Aguiar, Dorgival Dantas entre outros completando as 12 faixas do trabalho que já está disponível para download gratuito no endereço: www.suamusica.com.br/fredyemarysunset .

Madimboo
99630.8387

Banda formada por Artur Dantas (vocal e teclas), Felipe Rodrigues (guitarra) e Thiago Duarte (bateria), integrantes do núcleo de músicos que acompanha o cantor Johnny Hooker, lança o EP "Candeia". O álbum estará disponível nas principais plataformas digitais gratuitas. Pra começar, o grupo liberou a música Camomila, com participação de Natália Lins (Dunas do Barato) e do trompetista Alan Ameson (metais do disco de Johnny Hooker). O processo de mixagem e masterização foi realizado por Leo D., que também participou da finalização das três faixas. A Madimboo é uma banda orgânica que faz música eletrônica. Uma batida grooveada por sintetizadores de baixo ganham movimentos nada sintéticos nas baquetas de Thiago Duarte. Aos ouvidos mais atentos e aos corpos sintonizados, em momentos o beat eletrônico incorpora o coco (típico da região Nordeste). Em contraponto, a guitarra funkeada de Felipe Rodrigues protagoniza riffs marcantes durante quase toda a música, regida pelos vocais de Artur Dantas e Natália Lins, quando versam uma letra hipnotizadora que culmina num soul.


Programação

Conservatório Pernambucano de Música
Av. João De Barros,594 – Santo Amaro
Informações: (81) 3355.3326|3107.2970
www.conservatorio.pe.gov.br

VI Festival de Música Instrumental
Estúdio/Auditório Cussy de Almeida – CPM
Gratuito

O Conservatório Pernambucano de Música (CPM) apresenta a 6ª edição do Festival de Música Instrumental. O festival é aberto ao público e a entrada é gratuita. A intenção do festival é movimentar a cena instrumental na cidade, trabalhando com instrumentistas conceituados valorizando músicos de Pernambuco e dando uma oportunidade de troca de experiências com grandes nomes da música instrumental nacional. Desde sua primeira edição grandes instrumentistas já passaram pelo palco do Festival realizando apresentações da música instrumental, passando pelo jazz e blues.
1 18h30
Cacau Trio (PE)
Adelmo Arcoverde Quarteto (PE)
Beto Do Bandolim E Orquestra Quebramar (PE)

2 17h
Setevento (SE)
Cesar Michiles E Banda (PE)
Nelson Ayres Trio (SP)

10 10h
Projeto Música no Palácio – Trompete, Canto e Cravo
Salão de Entrada – Palácio do Campo das Princesas
Praça da República, s/n – Santo Antônio

Apresentação musical em forma de trio com um trompete, uma cantora lírica e um cravo, interpretando um repertório com peças do período barroco – Häendel, Bach e Scarlati - escolhido pelo refinamento musical no qual as composições são estruturadas de uma maneira clara e objetiva,com duração de 60 minutos. Érico Veríssimo, Gleyce Melo e Ladson Matos são os músicos desta apresentação.


Ouvindo e fazendo música no MEPE
Museu do estado de Pernambuco
Av. Rui Barbosa 960, Graças
R$6 (inteira) R$3 (meia)
3184.3105

2 17h
Celso Fonseca
Cantor, compositor, produtor e músico carioca, com 15 discos lançados e diversos prêmios no Brasil e exterior, Celso é responsável por ecléticas incursões musicais, como a gravação da música Slow motion bossa nova, recordista em aparições em discos de música brasileira no exterior. Com dois prêmios Grammys e elogios na imprensa internacional, já dividiu o palco com artistas como Stevie Wonder, Carlos Santana e Dizzy Gillespie. Maria Bethânia, Gilberto Gil, Milton Nascimento, Gal Costa, Caetano Veloso, Marcos Valle, Luiz Melodia e Daniela Mercury gravaram músicas suas.

9 17h
Victor Camarote
Seu CD de estreia, Quem disse, é de canções que transportam o ouvinte dos bailes de música caribenha na periferia do Alto do Céu de Havana aos fins de noite em zonas boêmias à Reginaldo Rossi. Com mais de 500 shows, Victor iniciou sua carreira como músico em 2005, interpretando clássicos do brega, lambada e merengue. Além do trabalho autoral em fase de produção, Camarote participa ocasionalmente dos shows da banda The Rossi, que acompanhou grande parte da carreira de Reginaldo Rossi, com quem teve a honra de dividir o microfone diversas vezes.

16 17h
Fetuttines
Duo formado por figuras experientes da música potiguar. À frente do projeto estão Anderson Foca, ativista cultural e músico do Camarones Orquestra Guitarrística, e Luiz Gadelha, músico e compositor e toca no Talma&Gadelha. O som do grupo é baseado em canções pop, envoltos em reverbs e synths, com beats e climas eletros. O grupo lança em julho seu primeiro álbum homônimo com 10 temas (a maioria inéditos) e já tem extensa agenda de shows pelo Nordeste. Fetuttines é mais um bom lançamento da boa safra da música potiguar

23 17h
Rafael Altino
Violista principal da Sinfônica de Odense, Dinamarca, começou seus estudos musicais com seu pai aos 9 anos. Aos 17 anos mudou-se para os Estados Unidos onde recebeu os diplomas de Bacharel pelo New England Conservatory of Music e Mestre pela Juilliard School. Participa de festivais internacionais e concertos em vários países. Toca numa viola francesa do final de 1700 com um arco James Tubbs cedidos pelo Instrumentfonden da Sinfônica de Odense. Lançou no final do ano passado o seu primeiro disco, Viola a Rafael, com obras de seis compositores nordestinos.

30 17h
Publius e O Som da Massa - Como um artista que alia inovação, contemporaneidade e tradição, Publius carrega uma sonoridade pernambucana e, ao mesmo tempo, um sotaque de universalidade. Publius está lançando um novo projeto: o Som da Massa, repleto de referências musicais e reverências aos artistas que influenciam o seu trabalho criativo. Neste show, Publius canta, toca guitarra e violões acompanhado por Hugo Linns (baixo e samplers) e Cristano Lemgruber (bateria). No repertório, releituras e novos arranjos de canções de Walter Franco, Raul Seixas, Zé Ramalho, Ednardo, Sérgio Sampaio e Novos Baianos.

Salada das Frutas com Liniker e os Caramelows + As Bahias e a Cozinha Mineira + Tássia Reis e o DJ Patricktør4
3 16h
Catamaran Tours - Cais Santa Rita - São José
Ingressos: 1º lote: R$40,00 (inteira) e R$20,00 (meia)
2º lote: R$50,00 (inteira) e R$25,00 (meia)
3424.2845

Depois de um primeiro show no Recife durante o RecBeat, o fenômeno Liniker e os Caramelows volta para a cidade acompanhado d’As Bahias e A Cozinha Mineira e Tássia Reis com um show que irá animar a festa Saladas das Frutas. Segundo os musicos, “a Salada das Frutas é uma verdadeira lacração. É um encontro de atitudes, de posicionamentos políticos, de contextos sociais e a celebração do orgulho e da identidade de cada indivíduo. É utilizar a música como um instrumento de mudanças sociais e na quebra de paradigmas preestabelecidos por uma sociedade pautada na ‘tradicional família brasileira’. Diante dos tempos nebulosos que o Brasil enfrenta na esfera política, é hora de resistência e luta. Cantar liberdades, corpos e amores. Denunciar preconceitos, conquistar direitos e quebrar barreiras tendo como grandes armas a música, a alegria e o respeito. É o momento de desconstruir conceitos para a construção de um novo cenário musical.”

"ABBA Mamma Mia – The Tribute Show"
2 21h
Teatro RioMar Recife: Av. República do Líbano, 251, 4º piso – RioMar Shopping
Balcão Nobre: R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia) | Plateia Alta e Baixa: R$ 120 (inteira) e R$ 60 (meia)
Canais de vendas oficiais: bilheteria do Teatro RioMar Recife (terça a sábado, das 12h às 21h, e domingos e feriados, das 14h às 20h)
Vendas online: www.ingressorapido.com.br
Televendas: 4003.1212
As luzes se apagam, os primeiros acordes chegam aos ouvidos da plateia, lentamente os integrantes preenchem o palco, os holofotes se acendem e a mágica acontece: o teatro se transforma em uma grande discoteca. Assim é "ABBA Mamma Mia – The Tribute Show", espetáculo argentino considerado uma das mais incríveis homenagens já criadas ao grupo ABBA, agora em turnê pelo Brasil. Aplaudido em diversos países da América do Sul, o show capta a imagem, a música e a personalidade do grupo sueco ABBA, uma das bandas de maior sucesso na história da música pop e uma das grandes líderes da disco music, fenômeno musical que contagiou o mundo no final dos anos 70. O público vai ser convidado a relembrar o passado, com direito a botas de couro, figurinos gritantes, indumentárias cobertas de pedras brilhantes e todo o glamour de uma época de ouro.
Banda Eddie e DJs da Cubana
8 22h
Clube Bela Vista - Av. Aníbal Benévolo, 636 - Alto Santa Terezinha, Recife
R$ 30 (estudante) e R$ 40 + 1 kg de alimento (social).
(81) 3444-3300.

Uma noite de bailinho olindense e muita música latina preparada pela banda Eddie e os DJs da Cubana, Edinho Jacaré e Valdir Português.

Marinheiros Club – a festa
9 23h
Profana Pub - Rua tomazina, n° 112 - Bairro do Recife Antigo
Atrações: Djs Erik Vilar, Felipe Barreto, Tássio Tardelli, Thomaz Ferreira, Marco Antonio e Rodrigo Menezes
R$ 35 a R$50
(81) 99406131

A “Marinheiros Club”, que foi o grande sucesso de público durante o carnaval na Casa D´Menezes, volta com tudo. Dessa vez o agito acontece no Profana Pub, a partir das 23h, do dia 9 de julho. O comando das pick-ups ficaram por conta dos djs Erik Vilar, Felipe Barreto, Tássio Tardelli, Thomaz Ferreira, Marco Antonio e Rodrigo Menezes. A decoração temática e show com gogodancers prometem ser o ápice da festa. Os ingressos já estão disponíveis na coca-cola clothing do Shoppings Recife e RioMar, e na Layer Boa Viagem.

Adriana B – projeto Vou Sambar
2 14h
Sr. Chopp - Rua da Hora, nº 885, Espinheiro
R$ 8
Informações e reservas: 3019-1530

A cantora e compositora Adriana B comanda o projeto “Vou Sambar”, com músicas autorais e clássicos do samba, neste sábado (2), a partir das 14h, no bar Sr. Chopp, no Espinheiro. Adriana receberá e prestará uma homenagem a um dos maiores instrumentistas brasileiros, Jehovah da Gaita. O evento terá ainda a presença do violonista, compositor, produtor musical e guitarrista da SpokFrevo Orquestra, Renato Bandeira.

Ensaio do Samba D’Lux
Dom 14h
Atenas Bar e Restaurante - Av. Recife, n° 772 - Areias
R$ 5
(81) 3251-2677

O projeto é pilotado pela banda jovem “Samba D' Lux” e o repertório está repleto de grandes sucessos do Samba e pagode nacional, além de sucessos do sertanejo que ganharam uma releitura em tom de samba. O evento acontece todos os domingos no Atenas Bar, em Areias.

Putz – 10 anos
9 23h
Marco Pernambucano da Moda- Rua da Moeda, 46, Bairro do Recife
R$35 - venda antecipada exclusivamente on line. [cartão crédito e débito]
*ingressos limitados devido à capacidade do local. Caso o lote antecipado esgote, não haverá bilheteria na hora.

Allana Marques e Lucas Logiovine preparam uma série de festas e ações para este segundo semestre, em comemoração aos 10 anos da Golarrolê, produtora que revolucionou a noite pernambucana. O ponta pé inicial está marcado para o próximo dia 9, no Marco Pernambucano da Moda, no Recife Antigo. Será a edição especial de 10 anos da Putz, a primeira balada da produtora. Dude, Hiran Hervé, Dj Mau Mau (SP), Lucio Morais / Ascio, Allana Marques, Yuri Chix (Database – SP), VS e Fabio Smeili (Roots Rock Revolution – SP) comandam o som da noite festiva.

Samba de Bamba – Ana Costa
26 20h
Caixa Cultural Recife - Av. Alfredo Lisboa, 505 – Recife Antigo
Bilheteria: (81) 3425-1915 | Gente Arteira: (81) 3425-1906
R$20 (inteira)

A quinta sessão do projeto musical Samba de Bamba traz a cantora, compositora e instrumentista carioca Ana Costa que vai apresentar um repertório de sambas de sua memória afetiva e contar as histórias e porquês de sua seleção musical. Durante nove meses, de março a dezembro, a CAIXA Cultural Recife apresentará dez shows diferentes, com os expoentes da chamada nova geração do samba brasileiro, artistas ainda não consagrados pela grande mídia. As apresentações acontecem mensalmente, sempre às terças-feiras.

Boa Hora – com Arthur Fernandes
8 19h
Roda Cultural – Rua Madre de Deus, 66 – Bairro do Recife
Gratuito (pague o que quiser)
https://www.facebook.com/rodaculturalrecife/

O Roda Cultural apresenta em sua vigésima edição do BOA HORA show com o cantautor e instrumentista Arthur Fernandes. Genuinamente recifense, Arthur Fernandes de modo denso, enérgico e poético traz ao rOda Cultural, todo o seu talento e suingue pra somar no cenário de música autoral pernambucana. Arthur Fernandes aposta na pluralidade dos ritmos, unindo-os em um apanhado cultural de tudo que se é absorvido. Dentre suas influências estão grandes nomes das guitarras do cenário nacional como Lúcio Maia, Fernando Catatau, Jr Tostoi e Lulu Santos; e também do cenário mundial como Eric Clapton, Brian May, Carlos Santana e The Edge. O guitarrista de timbre marcante chama atenção pela sensibilidade de suas composições e pelo som acentuado de sua guitarra, trazendo uma mescla de ritmos e tendências.

01 a 31/07/2016
.

.