Atalhos de navegação:

    Carnaval Multicultural do Recife     Último dia do Rec-beat repete sucesso de público Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 
RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Carnaval Multicultural do Recife

ÚLTIMO DIA DO REC-BEAT REPETE SUCESSO DE PÚBLICO
00:00 Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2012

Fernando da Hora
Cantora paulistana Cibele
Cantora paulistana Cibele

O Polo Mangue – o Rec-Beat – representa um evento dentro do grande evento que é o Carnaval Multicultural do Recife. Nesta terça-feira, última noite de apresentações no palco armado ao lado do Paço Alfândega, Bairro do Recife, os shows atraíram uma multidão formada, em sua maioria, por jovens antenados com o que há de mais contemporâneo no cenário musical.

O pernambucano Lucas abriu a programação com a sua Orquestra dos Prazeres. A percussão inovadora do músico dá uma nova roupagem ao coco e ao maracatu. Em seguida, a paulista Cibelle, cantora, compositora e multi-instrumentista mostrou o que vem a ser o seu ”tropical punk”. Com uma apresentação performática, cheia de sensualidade e humor, Cibelle, que rejeita rótulos para a sua música, arriscou até marchinhas de carnaval, sem dispensar o toque ácido de suas composições como em “A Marcha da Pamonha”.  “Ela é demais, é a nossa Lady Gaga”, disse a estudante Larissa Barros, que conheceu o trabalho de Cibelle ano passado, através das redes sociais. “Nunca pensei que ela viesse cantar aqui, é muito bom isso”, disse a estudante. Falando aos repórteres que cobriam o Polo Mangue, Cibelle disse que era “muito gostoso tocar no Recife, a cidade fez de mim uma foliã, está botando prá quebrar”.

No momento “World Music” da noite, a cubana Yusa, que mescla a típica rumba caribenha com o jazz, rock e pop fez um show intimista e afirmou: “gosto muito de tocar no Recife, lembra minha casa, meus amigos”. A cubana já fez apresentações junto com o pernambucano Lenine e, cantando em inglês espanhol, realizou no palco do Rec-beat o objetivo a que se propôs: “quero fazer uma festa bonita”, disse Yusa.  “Ela tem uma voz linda, não conhecia, é um privilégio vê-la aqui”, disse Felipe Wanderley, turista do Piauí que veio passar o carnaval no Recife. “Carnaval mesmo só tem no Rio de Janeiro, Recife e Salvador, mas aqui no Recife é diferente de tudo, é mais variado”, completou Felipe.

Outra atração do Polo Mangue veio diretamente do Pará e botou todo mundo para dançar ao ritmo do carimbó chamegado. Dona Onete, uma ex-professora de história de 72 anos de idade, é a revelação da música que vem do norte do Brasil. Fiel às tradições da musica da sua terra, Dona Onete abriu o show com um agradecimento: “Boa noite para a capital que sabe fazer cultura. Parabéns e obrigado Recife!” Com músicas de seu até agora único disco “Feitiço Caboclo” Dona Onete deu um show de vitalidade ao lado dos músicos convidados Luê Soares, Lia Sophia e Felipe Cordeiro.

 

Matérias Relacionadas
- Cantora Alessandra Leão leva coco e samba de roda para a Várzea
- A malemolência do samba tomou conta do Polo Brasília Teimosa nessa terça-feira (21)
- Alceu Valença faz o frevo dar olé no Marco Zero
- Público lota Praça do Arsenal nesta terça de carnaval
- Spok Frevo Orquestra prepara esquente para noite final no Marco Zero
- Agremiações campeãs desfilaram no Marco Zero
- Desfile das agremiações carnavalescas campeãs de 2011 abrem as apresentações do Marco Zero nesta terça-feira
- Desfile de agremiações no Polo do Alto José do Pinho
- Caricaturista movimenta Central do Carnaval
- Desfile de maracatus animam o Polo das Agremiações
- Crianças se divertem no Polo das Fantasias
- Seu Jorge instiga público com seu suingue carioca no Marco Zero
- Nação Zumbi detona na noite pop no Marco Zero
- Noite dos Tambores Silenciosos foi destaque do Polo Afro nesta segunda
- Galeria do Ritmo e Gigantes do Samba levanta público no Polo das Agremiações
- Desfile das escolas de samba empolga multidão
- Geraldo Azevedo cantou seus maiores sucessos No Polo Várzea
- Karina Buhr é destaque no Polo Várzea
- Artesãs do Prodarte comercializam na Central do Carnaval
- Foliões desfilam com a grife do Carnaval


Enviar    Imprimir