Atalhos de navegação:

    Cultura     Desfile das agremiações carnavalescas campeãs de 2011 abrem as apresentações do Marco Zero nesta terça-feira Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Cultura

DESFILE DAS AGREMIAÇÕES CARNAVALESCAS CAMPEÃS DE 2011 ABREM AS APRESENTAÇÕES DO MARCO ZERO NESTA TERÇA-FEIRA
00:00 Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2012

Inaldo Lins
Troça Carnavalesca Batutas de Água Fria
Troça Carnavalesca Batutas de Água Fria

Por Gérsica Marques
 
Caboclinho, maracatu e frevo foram alguns dos ritmos que abriram as apresentações do Polo Multicultural, localizado no Marco Zero, Bairro do Recife, na última noite do Carnaval Multicultural 2012 do Recife. A Troça Carnavalesca Batutas de Água Fria, Bloco Carnavalesco Misto Madeira do Rosarinho, Maracatu de Baque Virado Porto Rico, Clube de Boneco Seu Malaquias, além do Urso Cangaçá de Água Fria, do Caboclo Tupi e do Boi Faceiro, abrilhantaram o início da noite desta terça-feira (21).

O Bloco Carnavalesco Misto Madeira do Rosarinho, criado em 1926, encheu o Marco Zero de lirismo e saudosismo, cantando músicas como Madeira que cupim não rói, composição de Capiba. O maracatu de baque virado Porto Rico, de Palmares, criado em 1916 por um filho de escravos, prestou uma homenagem a Xangô, divindade das religiões de origem afro. Shacon Viana, o mestre da Nação explicou que a homenagem vem por meio de loas, cânticos populares em honra dos santos, que trazem a força do machado, principal símbolo do homenageado da agremiação.

Outra apresentação que encheu o público de encanto foi o Clube de Boneco Seu Malaquias. Com o tema Do Nordeste para o mundo: cem anos de Gonzagão; o frevo dança forró, xaxado e baião, o Clube homenageou o Rei do Baião por meio das indumentárias que os brincantes utilizaram.

“A cada ano que passa, as festas promovidas pela Prefeitura do recife ficam mais organizadas e bonitas. A segurança no Polo é outro fator que merece parabéns”, comentou a professora Daniela Bezerra, moradora de Olinda. Iury Manoel, 12 anos, o filho da professora, entusiasmado com as apresentações, contou que gosta muito do frevo.

Matérias Relacionadas
- Desfile de agremiações no Polo do Alto José do Pinho
- Caricaturista movimenta Central do Carnaval
- Desfile de maracatus animam o Polo das Agremiações
- Crianças se divertem no Polo das Fantasias
- Seu Jorge instiga público com seu suingue carioca no Marco Zero
- Nação Zumbi detona na noite pop no Marco Zero
- Noite dos Tambores Silenciosos foi destaque do Polo Afro nesta segunda
- Galeria do Ritmo e Gigantes do Samba levanta público no Polo das Agremiações
- Desfile das escolas de samba empolga multidão
- Geraldo Azevedo cantou seus maiores sucessos No Polo Várzea
- Karina Buhr é destaque no Polo Várzea
- Artesãs do Prodarte comercializam na Central do Carnaval
- Foliões desfilam com a grife do Carnaval
- Chris Nolasco surpreende no Carnaval Multicultural do Polo Várzea
- Rec Beat se rende ao talento de Lirinha
- Projeto paralelo de Pitty, Agridoce agita o Rec-Beat
- Orquestra do Maestro Edson Rodrigues abre alas na noite do pop no Marco Zero
- Sá Grama leva música erudita para a Praça do Arsenal
- Central do Carnaval oferece diversos serviços para a população
- Lêda Alves recebe homenagem da Prefeitura do Recife


Enviar    Imprimir