Atalhos de navegação:

    Cultura     Alunos redescobrem o Recife em city tour promovido pela Fundação de Cultura Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Cultura

ALUNOS REDESCOBREM O RECIFE EM CITY TOUR PROMOVIDO PELA FUNDAÇÃO DE CULTURA
21:17 Sábado, 24 de Abril de 2010

Luciano Ferreira
Foram quatro horas de caminhada
Foram quatro horas de caminhada
Luciano Ferreira
City tour começou pelo Marco Zero
City tour começou pelo Marco Zero

Participantes do curso “Cidade, Cultura e Cotidiano”, promovido pela Fundação de Cultura Cidade do Recife, tiveram a oportunidade, na manhã desse sábado (24), de descortinar o fascinante museu a céu aberto existente no Centro da Capital. Durante quatro horas de caminhada, os alunos percorreram o Bairro do Recife, Santo Antônio e São José, explorando as minúncias históricas de cada local, por vezes despercebidas pelo transeunte imerso na agitação do dia a dia. Além da visita a igrejas e monumentos, os estudantes vivenciaram na prática o conteúdo sensorial que vem sendo abordado em sala de aula – os cheiros, os sons e as saudades do Velho Recife, presentes até hoje em cada quarteirão.
 
O city tour começou pelo Marco Zero, onde o grupo de mais de cem pessoas pode perceber o desenvolvimento territorial do Recife a partir do mar, onde a presença holandesa executou importante plano urbanístico e os judeus cravaram a primeira Sinagoga das Américas, na Rua do Bom Jesus. Nesse endereço, o olhar na composição sépia foi inevitável. “Aqui, é o único ponto onde se conserva o trilho dos bondes. A via era mais alargada, tinha um chafariz no meio, e ao fundo o arco do Bom Jesus. As pinhas no alto dos casarões indicavam o status das famílias“, descreveu o professor-guia Mário Ribeiro, gerente de Formação Cultural da Fundação de Cultura do Recife.
 
É no Recife Antigo também onde está o primeiro teatro do município, o Apolo. Atravessando a ponte Maurício de Nassau, considerada a primeira do Brasil, a curiosidade permeou o percurso. No atual Fórum Tomaz de Aquino funcionava o pomposo Grande Hotel. No cruzamento das Ruas do Imperador com a 1º de Março, em uma esquina ficava o primeiro Observatório Astronômico das Américas, e na outra o extinto Café Lafaiete, “reduto dos boêmios, jornalistas e intelectuais, onde muitas decisões políticas eram tomadas”, frisou o também professor do curso, o historiador Carlos André. “Era um ambiente masculino, mas registros dão conta de que Rachel de Queiroz circulava por lá”, completou.
 
O ponto alto para muitos foi entrar, pela primeira vez, no conjunto arquitetônico do Convento Franciscano de Santo Antônio, que abriga o Museu de Arte Sacra, a Igreja Conventual e a Capela Dourada, de estilo barroco. Seguindo pela Avenida Dantas Barreto, a caravana alcançou a Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, onde originalmente iniciou-se a Noite dos Tambores Silenciosos. “Aqui, numa verdadeira manifestação de sincretismo religioso, muitas rainhas de maracatu foram coroadas”, contou Carlos André. A sucessão de detalhes continuou pela Rua do Fogo, pelo Pátio de São Pedro, Pátio do Terço, Mercado de São José e arredores cheios de becos e tradição.
 
A manhã encerrou na Igreja Santa Teresa D’Ávila, cujos tetos e esculturas narram a vida de uma das poucas mulheres canonizadas responsáveis por profundas reformas no pensamento religioso. É lá, também, o celeiro de nobres jazidas. “Estou encantado com a beleza histórica desta cidade. O curso está sendo bastante enriquecedor”, atesta o estudante de Pedagogia Francisco Ernandes, cearense de nascença e recifense de coração. As aulas seguem até a próxima sexta-feira (30), na Faculdade Maurício de Nassau. Na quinta-feira, haverá uma visita ao Museu do Homem do Nordeste e à sede do Maracatu Estrela Brilhante, com palestra da Dona Marivalda, rainha da agremiação.

Matérias Relacionadas
- Programa Multicultural divulga Chamada Pública para educadores
- Projetos do Centro Apolo Hermilo encerram inscrições próxima semana
- Filme de Martin Scorsese entra em cartaz no Cinema Apolo
- Palestra aborda a questão da fé no imaginário do povo nordestino
- Pernambuco em Dança é aberto no Parque e apresenta grupos nacionais
- Betty Faria estrela espetáculo no Santa Isabel
- Programação intensa movimenta o domingo no Murillo La Greca
- Domingo é dia de teatro infantil no Sítio Trindade
- Sábado Danado de Bom no Memorial Luiz Gonzaga
- Pátio Sonoro dedica dois dias ao Rock
- Filme sobre mulher nordestina é exibido para moradoras da Torre
- Biblioteca de Casa Amarela realiza Festival do Livro Infantil
- PCR promove terceira edição de curso sobre a história da Cidade
- Festival de Dança seleciona espetáculos para 2010
- Prefeitura apresenta projeto do Paço do Frevo à sociedade civil
- PCR e Fundarpe anunciam vencedores do Ary Severo / Firmo Neto
- Líder messiânico é tema de evento do Museu de Arte Popular
- Jornalismo e literatura em debate no Porto das Letras
- Mamam e Cfav abrem inscrições para workshop gratuito de Crítica de Arte
- Abertas inscrições do I Fórum de Gênero do Recife


Enviar    Imprimir