Atalhos de navegação:

    Saúde     Frevo invade as aulas do Academia da Cidade Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Saúde

FREVO INVADE AS AULAS DO ACADEMIA DA CIDADE
11:31 Segunda-feira, 1 de Fevereiro de 2010

Um dos mais representativos ritmos da cultura pernambucana, o frevo ‘canta de galo’ no Academia da Cidade. O estilo, sempre em evidência nas atividades do programa, ganha reforço até fevereiro como elemento das atividades promovidas nos 21 polos. Nesse período, uma parte das aulas cotidianas tem sido dedicada à execução dos passos e a noções da história do gênero centenário, o frevo. A proposta da Prefeitura do Recife é aliar promoção à saúde a um diferencial nas abordagens aos usuários e, ainda por cima, valorizando as tradições locais.

A iniciativa possibilita uma diversificação na rotina das pessoas que frequentam os polos, além de valorizar um gênero genuinamente pernambucano. Devido ao clima das festividades carnavalescas, o pessoal costuma ficar mais disposto, aproveitando melhor nosso trabalho e caindo no passo com animação renovada”, comentou o gerente do Academia da Cidade, Ebrivaldo Cavalcanti. “Durante as aulas, também falamos sobre os homenageados do Carnaval Multicultural do Recife 2010: o cantor e compositor Getúlio Cavalcanti e o artista plástico Vicente do Rego Monteiro”, acrescentou.

Antes de ensinar os passos, os professores abordam os diferentes tipos do ritmo: o frevo de rua (sem letra e mais acelerado), o frevo de bloco (tocado por orquestras de pau e corda) e o frevo canção (semelhante às marchinhas cariocas, com introdução e parte cantada). Em seguida, algumas coreografias são ensinadas aos participantes. “Devido à heterogeneidade dos usuários que freqüentam o programa, os profissionais de educação física repassam passos fáceis e difíceis, para todos terem condições de dançar”, destacou Cavalcanti.

Entre os passos mais fáceis, estão o bêbado (oscilação do corpo para frente e para trás), o banho de mar (tronco inclinado para frente e braços fazendo uma espécie de nado crawl) e a célebre tesoura (passo cruzado com pequenos deslocamentos à direita e à esquerda). Já o abre alas (projeção do corpo para frente, abrindo caminho com os braços e rotação lateral do tronco) é um exemplo de passo difícil. “Para completar o ciclo carnavalesco, ainda apresentamos passos de outros ritmos que fazem a folia na capital, como maracatu, ciranda e caboclinho”, completou o gerente.

As aulas do Academia da Cidade são oferecidas de segunda a sexta, entre 5h30 e 8h30 e das 17h às 20h. A participação é gratuita, com adesão espontânea. Para saber a localização de algum dos 21 pólos implantados na capital, basta entrar em contato com a Ouvidoria Municipal da Saúde pelo telefone 0800.281.1520. O serviço funciona de segunda a sexta, das 7h às 19h. A ligação é gratuita.

Matérias Relacionadas
- PCR realiza sensibilização sobre hanseníase
- Saúde promove sensibilização sobre aleitamento materno
- Saúde capacita profissionais do Academia da Cidade
- Saúde utiliza novo larvicida no combate à dengue
- Prefeitura dá início a nova etapa de desratização em Boa Viagem
- Hospital Helena Moura completa três décadas de fundação
- Servidores da Saúde participam de atualização sobre pré-natal de baixo risco
- Saúde promove curso de atualização em pré-natal
- Hospital de Pediatria Helena Moura comemora 30 anos de fundação
- CVA inicia cirurgias de esterilização de animais
- Estudantes visitam o Samu e participam de simulação de atendimento
- Prefeitura comemora oito anos do Samu Recife
- Academia da Cidade inicia comemorações natalinas
- Animação marca encontro do Academia da Cidade
- Academia da Cidade promove integração de educadores e usuários
- Orla de Boa Viagem passa por desratização até sexta-feira
- Saúde garante serviços durante festa do Morro da Conceição
- Violência contra a mulher é tema de debate
- Arte feita por usuários do CPTRA em exposição no Murillo La Greca
- Samu conclui capacitação para resgate de vítimas utilizando aeronave


Enviar    Imprimir