Atalhos de navegação:

    Saúde     Entidades parceiras da PCR e Miss Brasil conhecem experiências de controle às doenças negligenciadas Diário Oficial Agenda do Prefeito Fale conosco

 

RSS lista de noticias do grupo O que é isso?

Saúde

ENTIDADES PARCEIRAS DA PCR E MISS BRASIL CONHECEM EXPERIÊNCIAS DE CONTROLE ÀS DOENÇAS NEGLIGENCIADAS
00:00 Terça-feira, 22 de Março de 2011

Carlos Augusto
Gustavo Couto acompanhou a comitiva
Gustavo Couto acompanhou a comitiva

Encontro aconteceu na Escola Municipal Cícero Franklim Cordeiro no bairro do Ibura

Por Tádzio Estevam

Dando continuidade à extensa agenda desta terça-feira (22), que envolveu ações relacionadas ao controle das doenças negligenciadas no Recife, o secretário de Saúde do Recife, Gustavo Couto, acompanhou a comitiva que esteve na Cidade para conhecer de perto as atividades já desenvolvidas nas escolas municipais atendidas pelo projeto. A equipe, que visitou a Escola Municipal Cícero Franklim Cordeiro, no Ibura, foi formada pelo secretário Nacional de Vigilância à Saúde, Jarbas Barbosa; pela diretora de Vigilância à Saúde da PCR, Adeílza Ferraz; pela gerente de Epidemiologia da Prefeitura, Denise de Oliveira; a diretora de programas e operações do Sabin Vaccine Institute (EUA), Márcia Lira; e pelas misses brasileiras Débora Lyra (2010) e Renata Fan (1999).

Depois de participarem da apresentação que a Gerência de Epidemiologia realizou no período da manhã na Secretaria de Saúde de Pernambuco, cujo objetivo foi ajudar o Estado a implantar o projeto nos municípios pernambucanos, a delegação seguiu para a Escola Municipal Cícero Franklim Cordeiro, na Zona Sul do Recife, para ver de perto as atividades que tiveram início esta semana. No local, foi possível ver a realização de exames nos mais de 300 escolares entre seis e 14 anos. Foram feitos exames de pele para detectar a hanseníase, furo no dedo para testes de filariose, além do repasse de informações sobre as doenças. Tudo isso com uma ajudinha especial. A presença da Miss Brasil Débora Lyra, eleita a mulher mais bonita do País em 2010, acompanhada da Miss Brasil 1999, Renata Fan.

Elas deram um toque todo especial ao evento. As misses estiveram na escola para participar da gravação de um vídeo promocional que irá correr o mundo inteiro em prol da causa. “Fiquei surpresa com a iniciativa. Estou muito satisfeita em poder encabeçar uma campanha tão bonita como essa e que precisa do apoio de todos nós para que dê certo. Essas crianças precisam ter um bom rendimento na escola. E para isso, não podem sofrer com essas doenças que são tão simples de combater”, explicou Débora Lyra.

O secretário nacional de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa, reforçou as declarações da Miss Brasil. “A escola é um local excelente para se fazer saúde. A outra vantagem é que as crianças são agentes multiplicadores de informação. Com isso, fica muito mais fácil executar ações exitosas”, comentou o secretário que reforçou informando que o Ministério da Saúde vai ampliar o projeto para o restante do País e destinar recursos financeiros para as ações.

A escola municipal faz parte de um grupo de dez unidades educacionais que foram escolhidas para o desenvolvimento do projeto demonstrativo. No caso da escola Cícero Cordeiro, foram detectados alguns casos de hanseníase e filariose. Dos 830 alunos do Ensino Fundamental I e II, 300 estão no perfil do público-alvo do projeto, ou seja, com idades entre seis e 14 anos. “Essa ação é muito importante para as nossas crianças e adolescentes. Faz com que elas passem a se cuidar mais, evitando o mau rendimento em sala de aula. Além disso, levam a informação para casa”, informou a vice-diretora da unidade, Ana Cristina.

O projeto é fruto de uma doação da fundação norte-americana Bill e Melinda Gates e intermediado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Ele envolve – além das secretarias e das instituições financeiras - a Opas, Ministério da Saúde, Instituto Materno Infantil de Pernambuco (Imip), Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães e o Laboratório de Imunopatologia Keizu - Asami (Lika), vinculado à Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). O aporte financeiro foi aprovado no final do ano passado e contará com recursos de U$ 580 mil que serão divididos igualitariamente para o tratamento em escolares dos municípios do Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes.

Matérias Relacionadas
- Porteiros e zeladores de condomínios do Recife são capacitados sobre dengue
- Secretaria de Saúde do Recife apresenta projeto para instituição estadual
- Dia Mundial da Água é festejado nesta terça
- CAPS Espaço Azul recebe Grupo de Teatro Oprimidos/Pontão do Rio de Janeiro
- Prefeitura do Recife inicia combate às doenças negligenciadas
- Secretaria de Saúde lembra o Dia Mundial da Água
- Prefeitura do Recife celebra Dia Mundial da Água
- Programa Mãe Legal é lançado no Recife
- Unidade Professor Guilherme Abath promove curso sobre alimentos vivos
- PCR promove curso para gestantes da comunidade de Brasília Teimosa
- Secretaria de Saúde abre a 16ª Residência Terapêutica no Recife
- Prefeitura abre a 16ª Residência Terapêutica no Recife
- Mulheres de Brasília Teimosa são presenteadas com uma semana de serviços específicos
- População participa de atividades no Dia Mundial do Rim
- Dia Mundial do Rim é lembrado no Recife
- Secretário Estadual de Saúde elogia o camarote da PCR
- Folião responsável cuida da saúde durante o Carnaval
- Ouvidoria Municipal da Saúde atenderá aos cidadãos também durante a Folia de Momo
- Prefeitura do Recife vistoria as unidades temporárias de saúde para o Carnaval
- Saúde antecipa Folia de Momo com baile de máscaras


Enviar    Imprimir